Faculdade de Direito do Largo de São Francisco

De Wikimerda
Ir para: navegação, pesquisa


A Faculdade de Direito do Largo São. Francisco, ou, para os muito íntimos, SanFran. é um projeto de faculdade que finge que ensina.

História[editar]

A Faculdade de Direito da USP, fundada em 1500 por Caramuru, é a mais antiquada escola do Brasil sendo muito mais idosa e rabugenta que a própria universidade. Celeiro(!) de uma penca de presidentes da república, governadores, reitores da USP, ministros do STF, poetas, bêbados e mais um monte de gente metida a bacana, é famosa por atrair loucos de todo gênero para seus bancos e de manter uma verdadeira máfia entre seus alunos e antigos-alunos, mais forte, inclusive, do que a Maçonaria.

Características[editar]

Dita melhor faculdade de Direito da estratosfera desde os tempos pré-diluvianos, é conhecida universalmente pela Peruada e pelo Pindura, tradicionais festas de recalcados estudantes filhinhos de papai boyzinhos, patricinhas e nerds que, ou se sai numa sexta-feira de outubro completamente bêbado, pelo centro de São Paulo beijando tudo e todos (Peruada), ou indo a algum restaurante de São Paulo alegando que, por serem privilegiados e especiais já que estudam na dita melhor faculdade de direito da estratosfera, não vão pagar a conta (Pindura). Na maioria das vezes, este último evento acaba com todo mundo na delegacia, já que na verdade não são nada importantes para ficar comendo de graça. Isolada de todo o campus no longínquo centro de São Paulo, rodeada por mendigos, putas e barnabés de todos os tipos, é habitada por seus alunos mui metidinhos, denominados "Franciscanos".

XI de Agosto[editar]

O centro acadêmico desse museu instituto recebe o nome em homenagem à data da lei que criou as primeiras bocas de fumo de direito do país, em São Paulo e em Olinda.