Novela

De Wikimerda
Ir para: navegação, pesquisa
TV pós-Globo. Este artigo é sobre mais um programa de tortura televisiva. Salve-se mudando para o Canal do Boi, ou leia mais sobre a desgraça, logo abaixo.
As atrizes das novelas costumam ser bonitas e gostosas!

As Novelas são seriados que duram o ano todo, nos quais o povo brasileiro aprende a ser infiel, roubar, mentir, mudar de sexo, falar carioquês e tocar pagode. Também é de lá que saem a maioria dos bordões e os presidenciáveis brasileiros. Não é recomendável para quem tem mais de 20 anos de idade ou que já tenha visto mais de meia dúzias delas, pois a falta de imaginação dos autores é tanta que à partir daí, ano após ano você irá perceber que as mesmas histórias de filho que não conhece o pai, vilã armando pra roubar o namorado da mocinha, golpe da barriga, briga pela presidência de uma grande corporação empresarial, incesto e mais uma meia dúzia de argumentos limitados, irão se repetir ao infinito pela sua vida afora, novela após novela, até você perceber que está assistindo sempre as mesmas histórias somente com os nomes dos personagens trocados.

Ah, para arrebatar uns pontinhos a mais no Ibope, um tumor no cérebro, uma gravidez problemática e o clássico "quem matou a Royttman" também se repetirá ao infinito, séculos e séculos e além...

  • Malhação não se enquadra aqui, visto que esta já existe na grade da programação desde meados do ano 1.032 a.C. Dercy Gonçalves foi a mocinha da primeira temporada, onde aprendeu tantos palavrões, e ainda não tem uma data final estipulada. Todos os atores que trabalham em Malhação ou são iniciantes, geralmente são filhos da puta[1] de atores da novela das 8, de apresentadores ou de cantores, aqueles com carinha e corpo bonitos ou aqueles esquisitos com cabelo grande, ou são atores que já foram importantes para a emissora, mas que decaíram e se tornaram de segundo escalão e que, com medo de perder o emprego, aceitam passar por esta humilhação.

Apesar de todos nós já sabermos que tudo o que acontece nessa novela vira modinha, que o mocinho fica com a mocinha no final apesar da baranga que se acha gostosa tentar acabar com tudo, e a mesma ainda dar uns pegas naquele cara gostosão que fala umas gírias idiotas e que foi preso 387 vezes, muitas pessoas adoram ver essa merda, já que a programação da TV nesse horário é tão ruim quanto a própria novela[2].

Também existe uma teoria que prova como na realidade as TVs do Brasil automaticamente sintonizam este seriado. Uma baboseira qualquer que pode (ou não) ser encontrada aqui. As novelas eram escritas por chimpanzés amestrados, mas como a banana está cara demais, a Rede Globo resolveu cortar gastos. Algumas novelas estão sendo escritas por ratos de laboratório transgênicos, que já participaram de testes na finada usina médica de Chernobyl, na Ucrânia. Algo a mais a se falar das novelas é que, utilizando bilhões de reais, geram porrilhões de dólares, ou seja, a verdadeira máquina de dinheiro. Também é extremamente útil para enviar complexas mensagens subliminares diretamente ao cérebro. Esses dois são apenas alguns dos vários motivos da popularização e efeitos nocivos.

Novela das seis[editar]

Pesquisa.pngVer artigo principal: Novela das seis

Novelas de família? Mentira

O enredo básico desse tipo de novela é quase sempre uma troca de dois temas básicos: ou é uma novela "de época", ou seja, conta um monte de baboseiras que aconteciam nos tempos de nossos trisavós e que ninguém realmente sabe se realmente foi daquele jeito que as coisas aconteciam de fato (O Cravo e a Rosa, Chocolate com Pimenta, Sinhá Moça, Cabocla), ou são baseadas em um monte de macumbarias aí, sempre tendo alguma coisa meio do espiritismo nelas (Amor Eterno Amor). Claro, sem deixar de mencionar a possibilidade extrema e bem comum de ambos os temas estarem inclusos nelas (Alma Gêmea, O Profeta). Ah, já que citei algumas ai, tinha esquecido: esse também é o horário dos infames remakes, que nada mais são do que momentos de falta de criatividade para escrever uma novela nova e aí uns autores decidem refazer as novelas de outros (isso quando não refazem as próprias deles). Depois entretanto de O Astro, que passou às 23 horas, é possível que isso mude.

Novela das seis tem muitas coisas repetidas, como por exemplo um casal mocinho/mocinha que se apaixona e é interrompido por um {{ifexist texto artigo|sexo|relacionamento pré-ajustado mocinho/vilã. O mocinho tem que se casar com a vilã pois a família está sem dinheiro e os pais retardados nem querem que ele veja a mocinha. Pensando bem, isso acontece em todas as novelas. Outra coisa interessante: a facilidade que os velhos têm em assistir essa novela. Novela das seis é um ímã de múmias; e o mais incrível é que só tem atores jovens, com uma ou duas aparições especiais do Antônio Fagundes para fazer as velhinhas dizerem:

Cquote1.png Quando eu era criança em 1900 e guaraná com rolha ele era tão lindo, mas olha agora... Cquote2.png
Velha

Não obstante com isso, todas as novelas das seis têm os negros como escravos ou empregados, isso quando não é um cara feio querendo uma mulher que o ignora. Mas isso é normal em qualquer novela, menos aquela do SBT que tinha o Tony Garrido namorando uma negona gostosa. A novela faliu por baixa audiência.

Novela das oito[editar]

Pesquisa.pngVer artigo principal: Novela das oito

Pra se ter uma ideia de como isso é coisa de pobre, a novela das oito se passa no horário das nove! A novela que se passa é acompanhada por pessoas que não tem mais o que fazer como se as coisas que acontecem lá fossem reais. As novelas começam com alguém morrendo, sendo traído, se separando, etc. Depois disso se passam 300 30 capítulos sem que nada de interessante aconteça (o autor[3] fica enrolando), mas logo alguém é assassinado e daí se passam 50 capítulos para se descobrir o assassino, que só será descoberto no antepenúltimo capítulo. Enquanto isso há o mocinho e a mocinha (casal apaixonado) que brigam (porque o vilão tramou alguma merda contra eles), mas depois eles descobrem a pilantragem e voltam a namorar/viver juntos, contudo mais alguém trama algo contra eles (e se repete a mesma coisa), e assim passam a novela inteira nessa putaria. Enquanto isso, o mocinho engravida de seu namorado uma mocinha secundária e depois que o casal principal se junta novamente a mocinha secundária perde o bebê sendo atropelada... até que acaba a novela [4], e quem se comportou bem[5] durante o enredo passa viver feliz para sempre, já o vilão morre/é preso/se casa com uma baranga etc.[6] Ah, e sempre nasce alguém.

Novela Mexicana[editar]

Pesquisa.pngVer artigo principal: Novela Mexicana

As novelas brasileiras são muito piores melhores que as mexicanas, por isso a vida da Televisa se transformou num verdadeiro inferno após as armações da Rede Globo para ficar com o galã chamado vendas para o exterior!

São aquelas novelas mais clichês e sem graças e com as piores dublagens existentes, que vivem passando frequentemente no SBT e na Band, geralmente conta a história de uma mocinha que se apaixona por um mocinho (geralmente chamado de Luis Miguél, Roberto Hernandes, etc), mas terá que enfrentar uma vilã (conhecida como Brenda, Miranda ou Julieta). As novelas mexicanas foram criadas por Silvio Santos nos anos 70, quando ele queria levantar a audiência da SBT e conseguir com que não só as senhoras assistissem novelas, mas também as gurias retardadas. Assim, contratou um escritor terrorista iraniano que estava drogado para escrever o script e escreveu qualquer bosta (se inspirando na sua própria bunda), o papel voou com um vento forte e parou na casa de um debil mental que fez com que o script generalizasse em todo o mundo (ou todo o México, como preferir).

Novelas mexicanas, surpreendentemente, na maioria das vezes dão certo e garantem grande audiência para a alegria de Silvio Santos. Toda novela mexicana faz com seu telespectador um processo de lavagem cerebral, fazendo com que aquelas produções precárias feitas de maneira arcaica possam ser atrativas. Com o tempo, as novelas mexicanas produzidas pelo SBT começaram a fazer inveja às outras emissoras, que seguiram a cartilha do mestre do plágio, Haim Saban. A bandidos então, decidiu fazer um plágio, produzindo primeiramente novelas com atores muito piores, que cobravam um centavo e meio por capítulo, isso por serem chineses. As novelas produzidas pela Band não fizeram sucesso, então toda a equipe decidiu roubar as ideias de Silvio Santos quando começaram a lançar novelas mexicanas que finalmente podiam concorrer com as temidas novelas de Silvio Santos.

Uma das novelas recentemente transmitidas pela Band é Isa TKM, que conta uma história de uma pequena vadia mexicana venezuelana durante o colegial. Silvio Santos colocou a bandeirantes na justiça por Isa TKM ser muito parecida com Rebelde. A justiça negou o caso, pois afirmou que todas as novelas mexicanas acabavam sempre tendo o mesmo enredo. Outro exemplo de novela mexicana exibida pela Band é a argentina Quase Anjos, uma mistura de Chiquititas e Rebelde mal dublada, onde não existe nenhum ator negro e sem contar com as ridículas versões das "músicas" em portunhol ("vamos ver que podre, vamos ver o lixo a flopar, pra ver o que rola (ui!), o que sentem, se vão se matar...").

Vale a Pena Ver de Novo[editar]

Pesquisa.pngVer artigo principal: Vale a Pena Ver de Novo

Criança animadíssima após assistir mais uma grande e inédita novela do Vale a Pena Ver de Novo

É um programinha da Glóbulo de Televisão que exibe aquelas novelas chatas e idiotas que existiam desde quando Dercy Gonçalves nasceu. Mas mesmo assim tua avó ou tua mãe (quem sabe teu pai) insiste em assisti-las. Eis que por volta do fim dos anos 70, a Rede Globo decidiu investir em mais uma faixa de novelas, dessa vez, para o horário da tarde; porém, como isso aumentaria o trabalho dos autores, que não queriam ficar sem tempo pra fazer sexo[7], e com um aumento de gastos. Portanto, a Rede Globo teve uma brilhante ideia: transmitir novelas que já foram exibidas como se fossem inéditas. Isso, aproveitado-se da boa memória da população brasileira, que não se lembram nem do que comeram no almoço. Então, a emissora começou a repetir novelas e o público inteligente começou a perceber que o que estavam vendo era repetido, e então, a Rede Globo, após muitas manifestações do público decidiu confessar que as novelas da tarde eram repetidas e assim surge o Vale a Pena Ver de Novo, que pode reprisar amanhã a novela que acabou ontem! (¬¬)

O Vale a Pena ver de Novo traz de volta as novelas mais assistidas da Rede Globo, aquelas que foram vistas em pelo menos 5 casas. O Vale a Pena ver de Novo foi criado para que, enquanto o telespectador esteja cagando, ele possa assistir suas novelas e se distraia um pouco já que a Globo não quer que você seja intelectual se estiver lendo uma revista enquanto faz seu cocô. Se você não tem TV no banheiro[8], geralmente aumenta o volume da TV para 30 para ouvir o que a Cristina tá dizendo para a Serena em Alma Gêmea e assim você consegue relaxar bem para abrir o botão e deixar a merda sair. Em resumo, serve para que você desfrute de suas novelas enquanto precisa de uma ajudinha, exceto Alex Escobar porque este já é um cagão. A novela Cobras & Lacraias no Vale a Pena Ver de Novo está chegando ao fim, mas não se desespere, intestino grosso! A próxima novela que vem aí foi assistida em vinte casas e é uma das maiores audiências da Rede Globo, é a O Rei Drogado.

Ver também[editar]

Notas[editar]

  1. Isso também...
  2. É, veja só: Na RedeTV tá passando algum programa da Universal que o Edir Macedo comprou o horário, na Band tá passando o programa do Datena, no SBT tá passando Chaves (pra variar) e na Record tá passando Cidade Alerta
  3. É sempre um macho homem (é homem mas não é macho...)
  4. A menos que seja Malhação
  5. Claro que na temática da novela e não na temática real, porque é isso irracional segundo a Globo!
  6. E ás vezes até se dá bem, como no caso de Passione
  7. Entre eles...
  8. Geralmente quem tem, não tem saco para assistir a Globo

Ligações externas[editar]