Espanha

De Wikimerda
Ir para navegação Ir para pesquisar
OLÉÉÉÉÉ!!!

Este artigo é un forastero, com sangue espanhol! Por isso não se espante se você levar uma chifrada ou ver pingos de uma paella e azeitonas esparramadas. Ele deve ter colonizado a América e um Picasso original pode estar por trás de Você!

Cuidado! General fraco pode querer matá-lo!

77px
Reino de España
Paella España
Bandeira da Espanha Brasão de Armas da Espanha
Bandeira Brasão
Lema: "Jodate los ingleses de mierda piratas" "Una, Grande, Libre" "¡Arriba España!"
Gentílico: Cabrón Espanhol, Hispânico, "Spaniardo" (para os gringos)
Hino:
""Cara al Sol" e "Marcha Real" cantada (para os nacionalistas e fascistas), "¡No Passaran!" e "Himno de Riego" (para os republicanos e socialistas)"
Capital Madrid
Idiomas Paellês Espanhol
Governo Monarquia capitalista democrática liberal anti-inglesa
Rei Felipe VI de Espanha (não, é da Eslovênia...)
Touro que está abaixo apenas do Rei Coño
Ministro Um socialista de merda que não vale nem uma paella caida no chão
Gerentes Putos corruptos de mierda, hijos de puta
Heróis Nacionais Isabela de Castela, Fernando de Aragão, Francisco Franco, Pablo Picasso, José António Primo de Rivera
Independência 420 (de Roma), 720 (do Império Árabe), 1516 (unificação), 1931 (do imperialismo monárquico), 1939 (do comunismo), 1975 (do Franquismo)
Moeda Paellocoins Toureadas Peso (ou não)
Religião Catolicismo Romano, ódio aos ingleses, cornismo
População 25 milhões de otários chifrudos e outros 25 milhões de vacas
IDH 800 e alguma coisa
TLD !Arriba España! tu coño
Código telefônico Disque-tourada-¡arriba!
Site do governo https://www.canaldoboi.com

Cquote1.png Você quiz dizer: Eles panham??? Cquote2.png
Google sobre Espanha
Cquote1.png Você quiz dizer: Paellas, touros, moinhos no deserto e cornos??? Cquote2.png
Google sobre Espanha
Cquote1.png Vocês estão falidos! Cquote2.png
União Europeia sobre Espanha
Cquote1.png Arriba España carajo!!! ganamos la Eurocopa y la Copa del Mondo de 2010! Cquote2.png
Um espanhol muito preocupado com a situação financeira e política de seu país
Cquote1.png O Brasil deveria se chamar Espanha, por quê se você deixa uma moto na rua, eles panha, se você andar com celular na rua, eles panha, se você estacionar um carro na calçada, eles panha, tudo aqui eles panha! Cquote2.png
Uma piada muito bosta engraçada sobre Espanha
Cquote1.png España, Una! España, Grande! España, Libre! Arriba España! Arriba! José António Primo de Rivera, Presente! Francisco Franco, Presente! Viva la gloriosa armada imperial nacional española, viva! Cquote2.png
Nacionalista/fascista/direitista espanhol sobre Espanha
Cquote1.png Viva la República! No pássaran! Aqui serás la tumba del fascismo! Viva el Comunismo! Viva la democracia, Viva los rojos! Viva a los operários! Muerte al clero y a los fascistas! Cquote2.png
Republicano/socialista/esquerdista espanhol sobre Espanha
Cquote1.png Gibraltar és español! Cquote2.png
Espanha sobre Gibraltar
Cquote1.png Hahahaha, is not your land, but it's mine, my old enemy!!! Cquote2.png
Reino Unido sobre frase acima
Cquote1.png Nos queriemos la independencia! Cquote2.png
País Basco e Catalunha sobre Espanha
Cquote1.png Jajajaja, jamáss cabrónes! Cquote2.png
Espanha sobre desejo das regiões acima


A Espanha (vulgo Paella, Argentina do Norte, hermanos 2.0, Itália 2.0 e toureiros) é uma nação da Europa Ocidental, localizado na Península Ibérica, e o único país cujo faz fronteira nessa península é Portugal, que já tentaram incorporar e o anexar várias vezes, porém nunca tiveram sucesso. O país é conhecido pela Paella, vinhos tintos, óleo de azeite, as espanholas (tanto as mulheres, quanto à... melhor nem dizer, pois pode ter criança vendo), os castelos, Barcelona e edifícios. Já foram muito poderosos no passado, principalmente no final do século 18, mas hoje não passa de um lugar falido e que é porta de imigração para a Europa.

Paella e vinho, bons para ter causar uma reação alérgica devido aos frutos do mar e temperos fortes da primeira e alcoolismo, tontura e cirrose devido ao álcool presente na segunda.

História[editar]

  • Idade Antiga

Os primeiros homo sapiens a chegarem nesse lugar foram os caucasianos vindos do leste, e como não tinham mas para onde ir, pararam por aí mesmo. Estabeleceram várias tribos, na qual cada um falava seu idioma, tinha seu próprio governo, líder, exército, costumes, etc. Mas mudou quando o Império Romano invade e conquista toda a península, fundando a Hispanæe Romanvs, uma das principais províncias desse império dos futuros comedores de pizza, os obrigando a falar o Latim, surgindo o idioma espanhol. No século 5, é invadida pelos bárbaros germânicos, e expulsam os romanos de lá.

  • Idade Média e Era colonial

Com o fim de Roma, surge dos reinos, os Visigordos Visigodos, que dominava praticamente toda a península, e o reino Suevo, que dominou os thugas e os thugas celtas do norte. Os germânicos, inicialmente pagãos leais à Odin, se convertem ao Cristianismo, e o Reino Visigodo invade e anexa o Suecos Suevos. Em 700 e pouco, os islâmicos árabes marroquinos, querendo levar o Islã para o máximo de terroristas pessoas, invade a península, derrotando o Reino Visigótico, obrigando todo mundo lá a se converter ao Lado Allahua Akbhar da Força sob pena de serem torturados e mortos, e dominam quase tudo, restando apenas o Reino das Astúrias, que resistiu graças às montanhas. A partir desse momento surge o Emirado de Córdoba, que ganhava dinheiro principalmente vendendo as putas belas mulheres hispânicas, que são brancas, tem olhos azuis e cabelos castanhos que parecem cachoeiras, além de serem muito consistentes e gostosas, os árabes piravam. No século 9, começa a Reconquista, na qual os asturianos, com apoio de vários países, como a Francia e HRE, começam a lutar e a expulsar os mouros, africanos muçulmanos, da região, mas levaria quase 7 séculos para isso acontecer. Enquanto dominada pelos allahua khbares, a Espanha se torna um importante centro científico e cultural na Europa, com vários reinos independentes, como o Al Andaluz, e o puteiro do continente, por quê muitos árabes vinham até o lugar para comer as gostosas espanholas, alguns deles tinham até 20 esposas e fodiam com todas, as engravidando, os seres femininos eram depósitos de porra, status dos homens e reproduzir,e os homem para trabalhar, fazer comércio, ser militar, fuder as mulheres e os resto, a fodeção foi tanta por parte dos seguidores de Maomé, que atualmente os espanhóis são pardos por causa disso, tem uma forte genética árabe no sangue, por isso são agressivos, machos pra caralho (o oposto do seu vizinho do norte), e nunca são submissos. Em 1492, a Guerra da Reconquista chega ao fim, com os homens-bomba mussulmanos sendo expulsos de vez da terra dos moinhos no deserto. Nesse mesmo ano, enviam uma expedição naval com Cristóvão Colombo para oeste, e descobrem a América, desembarcando na atual República Dominicana, marcando o início do Império dos Cornos Espanhol. Querendo se vingar dos seguidores de Alá, os reis católicos Fernando de Aragão, e Isabela de Castela se casam, com isso surge o moderno Estado espanhol, e implantam a Santa Inquisição, torturando e mandando os muçulmanos, rabinos e ateus para o inferno.

Os temidos carrascos da Maldita Santa Inquisição.
O que acontecia com quem não concordava com o Estado ou a Igreja, MORRAAAA INFIEL!!!

Do Século 16 ao 18, seria a era de ouro (literalmente) da Espanha, com os muchachos dominando toda América praticamente, o sul da Itália, atual Holanda (tanto é que no hino deles tem a seguinte frase "E o Rei da Espanha, Seremos sempre fiéis", mostrando o quanto os Altos são sarcásticos), as Filipinas e assentamentos na África e Ásia, e dessas colônias eles sugavam e exploravam o máximo que podiam, extraindo prata, ouro, madeiras e mão de obra grátis dos índios quase-escravos. De 1580 à 1540, se une com Portugal, a União Ibérica, mas não faz muita diferença, pois eles são basicamente o mesmo povo, com quase a mesma língua, mesma religião, mesmos costumes, mesmas leis e mesma culinária, e o Império já grande, fica ainda maior e mais poderoso, fazendo com que outras potências navais europeias invadissem e tomassem suas colônias. Na década de 1640, os comedores de bacalhau se livram deles, mas é claro que a Espanha não iria deixar, e com apoio da França (um ótimo aliado por sinal...), invade Thugalandia, graças a ajuda inglesa, os bigodudos bebedores de vinho expulsam os hermanos em 1650, sendo uma humilhante derrota para os comedores de Paella, e eles sonham até hoje de incorporar Portugal ao seu território, mas sempre sem sucesso. No início do século 18, a Espanha entra entra em uma guerra para ver que manda, os Habsburgos, que estavam no poder, e os Bourbons, que tinham apoio dos fedorento franceses, no final vence os Bourbons, e que não mudaria em merda nenhuma.

A Espanha, juntamente com os lusitanos, em toda a sua honra e sua glória, o Império onde nunca se põe o sol.
  • Enfraquecimento do Império, República, Guerra Civil, Regime Franquista e Redemocratização
Tanque Soviético enviado para ajudar os republicanos pra lutaram contra os heróicos malvados nacionalistas

A Espanha teve a péssima ideia de se aliar à França na Guerra dos Sete Anos e na Guerra da Independência Americana, e assim com os degustadores de champanhe, perdem de lavada para o tomadores de chá, levando o poderoso poderio militar à falência. E para foder ainda mais, em 1808, é invadida pela França de Napoleão Bonaparte, e apesar de resistirem e lutarem bravamente (Guerra Peninsular), suas colônias ficaram abandonadas, e elas começam sua guerra pela independência, e como a Espanha basicamente não tinha mais exército, elas ganham isso fácil, mandando toda a glória deles para o ralo. Em meados de 1800's, enquanto nações europeias como Reino Unido, Alemanha e França faziam em seus países a industrialização e modernização, a Espanha estava muito atrasada, ainda com a Inquisição, leis e costumes da Idade Média. Querendo modernizar a nação, o rei acaba com a Inquisição e permite investimentos estrangeiros, atitudes que são vistas como traição pela sociedade mais conservadora, dando início as Guerras Carlistas, na qual os carlistas, rebeldes teocráticos católicos e ultraconcervadores, inciam um conflito de guerrilhas para tomar o poder, falhando miseravelmente. Em 1873, é proclamada a Primeira República Espanhola, mas em 1874, a monarquia é restaurada, a merda da República não durou nem um ano. Para dar a cartada final nesses ibéricos, os EUA invadem todas as suas últimas colônias restantes, na Guerra Hispano-Americana de 1898, com Espanha perdendo toda a sua marinha, moral, colônias e marcando oficialmente o fim de seu Império. O século 19 só foi merda e desgraça para os espanhóis, mas calma, que no século 20 tudo ainda iria piorar. Durante a Primeira Guerra Mundial ficou neutra, com o país sendo normal até chegar 1930. Em 1931, a Espanha era semelhante ao Zimbábue hoje, um país falido, o povo miserável, os burgueses, latifundiários, nobres e clero estravagantemente ricos, um estado teocrático e o governo extremamente impopular, e com medo de uma revolução, o rei Afonso 13 (número do azar) foge do trono e do país no mesmo ano, e a Segunda República Espanhola é proclamada, com uma bandeira gay, e até 1936, os republicanos governariam o país, com uma inspiração no marxismo-leninismo, igrejas são queimadas, padres mortos e a putaria e desordem imperaravam, com a esquerdalha fazendo a festa.

Mapa da Guerra Civil Espanhola.

Mas o general Francisco Fraco Franco não gosta nada disso, pois ele era altamente (só nesse sentido, pois se ver pela estatura, altura, ele é um anão) católico, conservador, moralista e monarquista, e tenta dar um golpe de estado em junho de 1936, que falha, mas ele e seus rebeldes Nacionalistas não desistem, iniciando a Guerra Civil Espanhola. Como ele estava com medo da "Revolução" dar errado, Franco pede ajuda nada a menos que dois caras muito legais, Adolf Hitler e Benito Mussolini, que instantaneamente ambos aceitam o ajudar, sendo essencial para a vitória deles no final. A República Espanhola, pede a ajuda nada a mais que a União Soviética de Josef Stalin, e todos eram obrigados a se juntarem á um lado, dependendo em qual território controlado estivesse, ou ele era fascista ou comunista, não existia meio termo, se fosse encima do muro, seria morto por ambos os lados. Nesse contexto que surge as famosas canções espanholas "Com a Cara no Sol" (por que a Legião Espanhola nacionalista de Franco vinha da África, é sério), "Por Deus, Pátria e Rei" (essa música já existe desde as Guerras Carlistas, mas como eram conservadores, foi adotada pelos nacionalistas), Já Passamos (um dos hinos da vitória dos fascistas de Franco, zoando com a frase dos republicanos que eles nunca ganhariam o conflito) "Hino do Rego" (aquela bandeira tricolor dos republicanos nunca enganou, eram tudo viado, afinal eram esquerdistas), Não Passarão! (Que piada, mal sabiam eles o que aconteceria em 1939) e "Aí, Carmen" (um comunista republicano ficou com fome ao ver o brasão vermelho de foice e martelo e pediu dinheiro ou pão para a Carmen). Em abril de 1939, os nacionalistas vencem a guerra, e Franco governaria a Espanha com mão de ferro, mandando republicanos, anarquistas, democratas, liberais, socialistas, comunistas e esquerdistas para o submundo que não fica aqui. Sobre o seu governo ele promove um regime que até que não era ruim, pois proíbe e mata os membros da esquerda, aborto, traição e divórcio eram crimes punidos severamente com trabalho forçado, a economia cresce, havia assistência aos pobres e trabalhadores, patriotismo extremo e ainda chuta a bunda do bigodudo austríaco e do pizzaiolo italiano, não entrando na Segunda Guerra Mundial, como eles haviam prometido ao Eixo no início da guerra civil, e só ficavam enrolando e passando conversa nesses dois otários, que o ajudaram muito, e no final não ganham nada com isso.

Heil Franco!!!

Depois da WW2, a Espanha abre a sua economia ao liberalismo, e apesar de não entrar na OTAN, se alia aos EUA na Guerra Fria contra os comedores de criancinhas. Apesar da economia crescer muito nesse período, com o país chegando a ser o 8° mais rico do mundo em PIB nominal, e o se desenvolver e modernizar, continuava com o regime de ferro de Franco. Em 1975, esse ditador grande líder morre, e começa o processo de "redemocratização". Desde estão, a Espanha tem caído num abismo moral e social, com o gayzismo, esquerdismo e politicamente correto sendo permitidos e dominando a nação. Em 1982, entra para a OTAN para ajudar a acabar com o Comunismo (ajudou porra nenhuma, é só mais sustentado pela Aliança), e em 2004, para a União Europeia (para mendigar), adotando o Euro como moeda oficial, e por causa das políticas de defender refugiados islâmicos, a Espanha tem sofrido diversos atentados terroristas ultimamente.

Assim que a Espanha abriu as portas para refugiados muçulmanos, aconteceu isso.
  • Fatos recentes

Em 2010, ganhou a Copa do Mundo FIFA, na África do Sul, mas hoje perdem até para a Ucrânia e empatam com Portugal, mostrando o quanto a seleção está uma merda. Em 2013, o país entra em uma crise financeira e econômica, indo para o fundo do poço, ficando com dívidas do caralho com a União Europeia, demitindo muitos empregados, empresas quebram e estrangeiros (principalmente os brasileiros, latino americanos, africanos e asiáticos) são barrados de permanecer muito tempo, trabalhar e estudar no país. É um dos países mais fudidos pela Fraudemia Pandemia de Coronga COVID-19, sendo o primeiro da União Europeia a atingir 1 milhão de casos, e com dezenas de milhares de mortos, isso que dá chineses comedores de morcego entrar no país.

Geografia[editar]

O clima do país é mais extremo do que você pensa, no verão chega 50°C, com um calor de matar (literalmente), enquanto que no inverno chega a -25°, cobrindo as ruas de gelo e congelando tudo.

O relevo também é variado, enquanto no sul é uns desertos planos e quentes pra caralho, no norte é montanhas onde faz frio de trancar o cu o ano todo. Fica localizado na Península Ibérica, fazendo fronteira com Tugalandia, Anporra e Rendição.

Você, pobre leitor, jamais poderá desfrutar-se disso!

Política[editar]

A política do país é uma novela, é só enganando o povo com copa do mundo, turismo, eurovisão, paella e vinhos, enquanto eles afundam na merda. O rei não faz porra nenhuma, só fica lá tendo fama, e muito dinheiro que vem dos altos impostos que o povo otário paga (parece até um certo país sul-americano...)

"¿Por qué no te callas?"

Religião[editar]

Embora o Catolicismo Romano seja uma religião popular, outras são igualmente muito seguidas, como o Tourismo, que os malditos furam o boi com umas lança, causando dor no pobre animal, o que deixa os touros irritados não é o pano vermelho, e sim ter sua carne viva perfurada por vários metais, além da Tomatina, que muitos tomates são jogados fora, enquanto milhões de pessoas não tem nem o que comer e passam fome, o exibicionsmo e metidismo,,além do Cornismo, na qual as mulheres, as vacas, traem os seus maridos, os bois cornos, com um turista rico, ou por prazer e safadeza mesmo, e os cabrónes vão encher a cara no bar de cerveja e vinho para esquecer dos chifres que levaram.

A cidade, não o time, de Barcelona, que disputa (e muito) com Madrid para ver quem é a melhor em tudo, são arqui-inimigas.

Curiosidades[editar]

  • Se você perguntar a um espanhol o que é Portugal, ele vai dizer é um província localizada ao oeste no seu país.
  • Quer irritar um espanhol, diga que apoia a Catalunha, País Basco, Valência e Galiza como nações independentes, que a Inglaterra é foda, que Gibraltar sempre será dos Anglos, que são falidos, que os homens são uns cornos e as mulheres umas vacas putas que os traem dando para geral.
  • A Espanha raramente entra entrou em guerra com outros países, pois já bastam os conflitos que ocorrem dentro do país de vez em quando.
  • O idioma é espanhol ou castelhano? Se estiver na província de Leão e Castela, será castelhano, já se estiver pelo resto do país será espanhol, e é uma briga interna para ver qual é, semelhante ao biscoito vs bolacha aqui no Brasil, apesar de tudo ser mesma merda.
  • Usam tanto o Euro, como a Peseta na questão de moeda oficial e oficial, mas está última ninguém quer mais saber dela, pois não vale quase porra nenhuma.
  • Um espanhol corno é tão comum quanto um político brasileiro corrupto (quem mandou elas serem tão bonitas e gostosas).
  • Odeiam imigrantes, se for a Espanha, tome MUITO, mas muito cuidado mesmo, com a temida Conduta da Polícia Espanhola em Relação a Imigrantes.
Você (caso seja do sexo masculino, hétero e não é solteiro) e boa parte dos homens espanhóis casados vão ver essa cena ao chegar em casa pelo menos uma vez na vida.

Ver também[editar]

Países da Europa
Bandeira da União Europeia.png

Albânia - Alemanha (Nazista, Comunista, Capitalista, República de Weimar) - Andorra - Armênia - Áustria - Azerbaijão - Bélgica - Bielorrússia - Bósnia e Herzegovina - Bulgária - Cazaquistão - Chipre - Croácia - Dinamarca - Eslováquia - Eslovênia - Espanha - Estônia - Finlândia - França - Geórgia - Grécia - Hungria - Irlanda - Islândia - Itália - Kosovo - Letônia - Liechtenstein - Lituânia - Luxemburgo - Macedônia - Malta - Moldávia - Mônaco - Montenegro - Noruega - Países Baixos - Polônia - Portugal - Reino Unido (Escócia - Inglaterra - Irlanda do Norte - País de Gales) - República Tcheca - Romênia - Rússia - San Marino - Sérvia - Suécia - Suíça - Turquia - Ucrânia - Vaticano