George Floyd

De Wikimerda
Ir para navegação Ir para pesquisar


Homer.jpg
Patrick2.gif
George Floyd é um completo idiota

Ele provavelmente não sabe fazer nada além de babar e cagar, não temos culpa se esse artigo vai fazer VOCÊ ter um grau de Q.I. menor que o do Homer Simpson e do Patrick Estrela.
Não nos responsabilizamos por qualquer dano ao cerébro-bro-bro!!!

Como um cara com uma nareba desse tamanho pôde alegar que não conseguia respirar?

Cquote1.png NÃO CONSIGO RESPIRAR!!! Cquote2.png
George Floyd após uma overdose de cocaína

São George Perry "Fentanyl" Floyd Jr. (14 de outubro de 1973 - 25 de maio de 2020) foi um ator pornô afro-americano honesto e inteligente e um criminoso de carreira que morreu tragicamente em maio de 2020, enquanto era preso em Minneapolis, Minnesota por fraude. Sua morte foi o resultado óbvio da interação policial-africana normal, mas a repercussão da mídia desencadeou uma macaquice em massa patrocinada pelo Black Lives Matter em todo os EUA, como não se via há décadas. A pilhagem em massa e a agitação atormentaram o país por quase todo o ano, enquanto muitos americanos normais estavam grudados em seus aparelhos de televisão fazendo boas orações cristãs para que o presidente HITLER RACISTA ordenasse aos militares que esmagassem as bichas anarquistas que causavam estragos nas ruas. Infelizmente, a reação da polícia foi inadequada para esmagar os comunistas.

No início de agosto de 2020, a filmagem da câmera fotográfica da prisão de Floyd vazou, expondo brutalmente toda a narrativa da mídia.

Antecedentes[editar]

O HORROR! O HORROR!

Antes de sua morte em maio, Floyd vivia como qualquer outro homem negro na América. Ele nasceu em 14 de outubro de 1973, em uma parte pobre de Fayetteville, Carolina do Norte. Ele jogou basquete no colégio e largou a faculdade. Nos anos 90, George Floyd tentou a sorte como rapper por um tempo. De 1997 a 2005, Floyd foi preso seis vezes por posse de drogas, invasão e roubo.

Em algum momento em Houston, George Floyd estrelou um vídeo pornô com uma vagabunda negra chamada Kimberly Brinks. Ela chupa o pau dele, ele come a buceta dela e depois eles fodem. O vídeo em si é uma tomada repulsiva de uma cópula negróide gordurosa. Kimberly é o seu projeto padrão - uma prostituta de sarjeta crescida e malcriada, limpa e embonecada para a câmera por seu namorado traficante de seres humanos. Floyd, obviamente sob a influência de várias substâncias ilícitas, apresenta um desempenho indiferente e uma ereção indiferente devido à insuficiência cardíaca congestiva, preparando o cenário para uma possível emergência médica. Você pode dizer que Big Floyd está se divertindo e não tem nenhum problema em dar um trato neste pedaço de carne escura humana como a vagabunda de banheiro que ela é. No geral, o vídeo é indistinguível de qualquer outro vídeo pornô de merda na internet.

Antes de sua infeliz interação com Derek Chauvin, George já era bem conhecido da polícia de todo o país. Em 2005, George "The Gentle Giant" Floyd junto com cinco outros homens negros invadiram a casa de uma família mexicana em Houston, TX. Entre os membros da família dentro de casa estavam uma mulher grávida, seu namorado e seu filho pequeno. Floyd, assumindo o controle do roubo, apontou a arma para o estômago da grávida e exigiu dinheiro para comprar frango e/ou drogas. Como nada foi encontrado, George e seu esquadrão fugiram com algumas joias. Floyd foi pego logo após agredir a mulher e acusado de colocar em perigo a vida de um futuro pagador de impostos, que é um crime nos EUA.

Em 2007, foi condenado a cinco anos de prisão. Quando ele saiu, ele mudou-se para Minneapolis para iniciar um novo capítulo florescente em sua vida.

Em suma, antes de sua ascensão ao estrelato, ele jogou basquete, vendeu drogas, fodeu com cadelas negras, passou um tempo na prisão e cometeu crimes violentos.

Morte[editar]

Pago pelos pagadores de impostos

Na noite de 25 de maio de 2020, Floyd estava bêbado dirigindo em Minneapolis quando sentiu a pontada de um dos muitos vícios que estava nutrindo na época, neste caso a nicotina. Floyd estava, infelizmente, quebrado desde que seu trabalho habitual de espancar bêbados, aceitar subornos de clientes menores de bares e atuar em pornografia havia se restringido à recente praga da AIDS chinesa.

Para a sorte de Floyd, ele utilizou todo o tempo livre disponível para aprender como usar sua impressora jato de tinta de US$ 20 para criar uma nova fonte de renda da qual até Ciro Gomes teria inveja. Depois de usar o referido papel para adquirir algumas riquezas finas e suaves da Virgínia, ele se deu ao luxo de fumar um cigarro da vitória enquanto finalmente desvendava os segredos do sistema bancário de reservas fracionárias. Em sua mente, ele era bom, desde que não copiasse seus últimos $20 mais de 10 vezes. Os donos da loja não viam dessa forma e confrontaram Floyd, com os dedos manchados de verde com a tinta da impressora do dinheiro que haviam recebido. Sendo um bandido, Floyd disse a eles para se foderem, então eles se foderam e pediram a ajuda de alguns dos melhores de Minneapolis.

De acordo com o Fantástico, vários fuzileiros navais da supremacia branca liderados pelo oficial Derek Michael Chauvin responderam rapidamente ao chamado. Seu Dodge Charger blindado passou por várias crianças negras no caminho para o local. Ao se aproximar do veículo de Floyd, eles o mandaram sair. Floyd recusou enquanto estava ocupado cuidando de um cachorrinho para recuperá-lo. Depois que os policiais atiraram naturalmente no cachorro, Floyd voluntariamente começou a sair do veículo quando escorregou em uma casca de banana e caiu sobre o taser do policial, que ficou preso em sua garganta. Por estar alto com fentanil, cocaína e infectado com a cepa COVID-19, que afeta apenas símios, a vida de Floyd passou a correr sério risco. Os heróicos policiais militarizados da supremacia branca então ajudaram Floyd até o meio-fio, onde Chauvin fez o possível para desalojar o taser usando o joelho para apertá-lo de volta pelo buraco da garganta de Floyd.

Enquanto Chauvin prestava ajuda vital para Floyd, Floyd começou a gritar desesperadamente Não consigo engolir!, O que levou Chauvin a se ajoelhar com ainda mais força no pescoço de Floyd em um esforço para salvar sua vida. Vários espectadores racistas tentaram interferir na delicada operação que apenas distraiu o Dr. Chauvin, que precisava aplicar sua concentração total na hora. Infelizmente, seus esforços foram em vão, pois o Floyd expirou devido a complicações cardíacas causadas por uma overdose de fentanil.

Quando o espírito de George Floyd deixou seu corpo, nuvens negras e agourentas se formaram rapidamente sobre Minneapolis. A chuva começou a cair quando Chauvin sacudiu o punho para o céu gritando, "POR QUE, POR QUE ELES TIVERAM QUE LEVAR O MENINO ASSIM!?"

O Planeta dos Macacos[editar]

Monte Floydmore

Imagens dos esforços heróicos de Chauvin foram postadas em todas as redes sociais. Infelizmente para Chauvin, o vídeo gravado por um celular distorceu o contexto de suas ações e ele foi falsamente acusado de matar Floyd deliberadamente. Com grande parte da América entediada com a quarentena e principalmente desempregada, os negros e lacradores tomaram as ruas em todo o país e começaram a protestar pacificamente contra a brutalidade percebida. No espaço de algumas semanas, os protestos se espalharam por uma dúzia de cidades e escalaram da ação pacífica de bloquear as ruas para englobar a destruição pacífica de propriedade, o início pacífico de incêndios e a pacífica apropriação de telas planas, tênis, medicamentos prescritos e interruptores Nintendo das garras opressivas do capitalismo. Eles até criaram seu próprio país pacificamente, resultando em várias mortes e pelo menos várias dezenas de estupros.

O funeral de São Floyd[editar]

A família de Floyd, sendo negros gananciosos, nunca deixou passar uma oportunidade de roubar os brancos. Ganhando com a culpa branca, eles começaram um gofundme para seu funeral com uma meta de US$ 1.500.000 e, em vez disso, receberam 14 MILHÕES DE DÓLARES. Muitas pessoas se perguntaram o porquê da necessidade $ 1.400.000 para um funeral? e sobre quantas caixas de Marlboro e baldes de KFC se pode comprar com 14 milhões de dólares depois que a meta foi cumprida. No verdadeiro estilo negresco, sua família comprou para São George um caixão de ouro maciço para desfilar pela cidade com uma banda de música vodu em comemoração ao seu grande dia de pagamento.

A crucificação de Derek Chauvin[editar]

No final de abril, o julgamento de Derek Chauvin começou. Todos os dias durante seu julgamento, ele foi despido diante de uma multidão para que todos possam ver sua culpada pele branca. Ele será levado morro acima até o Gólgota, enquanto os soldados centuriões da Antifa chicoteiam suas costas com um chicote de nove caudas. A força de seus joelhos diminuirá à medida que ele carrega o fardo branco por toda a humanidade.

Julgamento[editar]

Armado com seu advogado de confiança, Eric Nelson, Derek Chauvin começou sua luta contra o estado de Minnesota. Acusado do crime indescritível de fazer seu trabalho, Derek teve uma luta difícil desde o início. O juiz se recusou a sequestrar o júri obviamente parcial, as testemunhas apelaram às emoções do júri e as testemunhas do estado eram fracas. A deputada Maxine Waters então foi à televisão nacional e instruiu os negros americanos a se revoltarem se não condenassem Derek. Basicamente, ele estava ferrado desde o início.

Depois de um mês, o julgamento chegou ao fim, revelando que Floyd:

  • ele tinha um coração dilatado;
  • ele tinha 75% a 90% de oclusão de suas três artérias coronárias principais;
  • ele tinha hipertensão grave não tratada;
  • ele tinha um BP registrado anteriormente de 216/160;
  • ele tinha um tumor (paraganglioma extra-adrenal) associado a hipertensão/ataques cardíacos;
  • seus pulmões estavam 2-3x mais pesados ​​do que o normal (edema pulmonar);
  • ele tinha COVID;
  • ele era fumante;
  • ele estava cochilando/desmaiado quando a polícia chegou em seu SUV e teve que ser fisicamente cutucado para ser acordado;
  • ele estava no SUV com seu(s) traficante(s) de drogas pessoal;
  • ele tinha uma substância branca na boca;
  • ele estava dizendo que não conseguia respirar antes de se conter;
  • o joelho na parte de trás do pescoço é uma técnica usada pelo MPD e quase todas as agências de aplicação da lei no mundo e é usado para evitar que eles se debatam e machuquem outras pessoas (e a si próprios), é um método extremamente comum de conter uma amplitude de movimento e visão do indivíduo, não obstrui ambas (ou mesmo uma delas) as artérias carótidas ou restringiu as vias aéreas e está bem documentado como geralmente muito seguro;
  • EMS foi chamado cedo, mas chegou tarde;
  • a manobra não foi usada para evitar atrasos no atendimento médico;
  • a multidão hostil distraiu a polícia e o EMS não quis dar atendimento médico no local porque não era seguro para sua segurança;
  • ele tinha uma saturação de oxigênio de 98% no hospital;
  • A autópsia não revelou escoriações, hematomas, hematomas ou ossos fraturados na área do ombro/pescoço;
  • ele tinha uma série de drogas em seu sistema, incluindo fentanil (depressor) e metanfetamina (estimulante/vasoconstritor);
  • ele tinha uma quantidade fatal de fentanil em seu sistema;
  • ele engoliu drogas durante sua prisão em 2019;
  • pílulas de fentanil/metanfetamina foram encontradas na parte de trás da viatura, contendo o DNA de Floyd;

Nenhum desses fatos foi capaz de provar uma dúvida razoável do assassinato e Derek Chauvin foi considerado culpado e pode pegar até pena de morte 40 anos de prisão, onde será estuprado por negros toda vez que tomar banho. Depois que Maxine Waters instruiu os negros a queimarem e saquearem o país se não conseguissem o que queriam, o juiz se recusou a anular o julgamento, mas disse que provavelmente seria motivo para um recurso.

Ver também[editar]